20.7 C
Nova Iorque

Copa do Mundo de 2018: França de Mbappé conquista título incontestável

Copa do Mundo de 2018: Já vai começar a maior festa do futebol e a gente não consegue focar em mais nada! Tudo é a Copa do Mundo do Qatar e o sonho do nosso hexa que pode chegar ainda este ano. Além disso, estaremos de olho para aproveitar as melhores oportunidades e apostar na Copa do Mundo Qatar 2022

Então a casa de apostas esportivas KTO preparou uma série de textos espertos sobre tudo que envolve essa competição incrível. São guias, prognósticos, listas, tudo sobre as principais seleções desta edição e, claro, as melhores dicas de apostas para você! Dê uma passada lá no Blog e veja tudo que preparamos sobre a Copa do Mundo!

Na história das Copas, apenas duas seleções são bicampeãs consecutivas, Itália e Brasil. Nessa Copa isso pode mudar, porque a França é a atual campeã do mundo e quer mais em 2022! Hoje, vamos contar a história de como os Bleus fizeram história e conquistaram a Copa do Mundo de 2018 sem perder sequer uma partida. 

Quem vai apostar na Copa do Mundo Qatar 2022 sabe que eles são candidatos fortíssimos para esta edição. Afinal, a base vencedora de 2018 tinha muitos jogadores jovens que também estarão presentes no Qatar. Kylian Mbappé, Antoine Griezmann e tantos outros estão prontos para tentar repetir o feito!

32 equipes no frio russo: Vários favoritos voando muito alto!

O Brasil de Neymar, a França de Mbappé, a Inglaterra de Kane, a Argentina de Messi, a Bélgica de De Bruyne e Portugal de Cristiano Ronaldo. Para muitos, entre essas seleções ficaria o título da Copa de 2018. Assim ficou definida a fase de grupos após as três primeiras rodadas: 

A – Uruguai, Rússia, Arábia Saudita e Egito.

B – Espanha, Portugal, Irã e Marrocos. 

C – França, Dinamarca, Peru e Austrália. 

D – Croácia, Argentina, Nigéria e Islândia. 

E – Brasil, Suíça, Sérvia e Costa Rica. 

F – Suécia, México, Coreia do Sul e Alemanha. 

G – Bélgica, Inglaterra, Tunísia e Panamá.

H – Colômbia, Japão, Senegal e Polônia

Agora vamos dar uma olhada no caminho do Brasil e da França nessa primeira fase. A nossa Seleção começou sua caminhada com um empate sem graça contra a Suíça. Coutinho abriu o placar com um golaço aos 20’ e os Suíços empataram em um escanteio aos 50’ e ficou por isso mesmo, 1-1. 

A segunda partida contra a Costa Rica foi uma batalha de paciência. Depois de um jogo todo tentando, o Brasil só abriu o placar nos acréscimos do segundo tempo com Coutinho. Neymar ainda marcou mais um aos 97’ e fechou o 2-0. A terceira partida também foi outra vitória por 2-0, sobre a Sérvia. Os gols foram marcados por Paulinho e Thiago Silva.

Já a França teve um caminho um pouco mais fácil. Venceu a primeira partida da Austrália por 2-0, com gols de Mbappé e Behich contra. E também venceram a segunda rodada para garantir a classificação, 1-0 sobre o Peru com outro gol do craque do PSG. Na terceira partida, eles tiraram o pé e ficaram em um empate sem gols contra a Dinamarca. Com esse resultado, as duas seleções se classificaram. 

Com todos os favoritos classificados, ia se formando um mata-mata histórico na Rússia e os torcedores já se preparavam para as decisões.

Copa do Mundo de 2018: Começa o mata-mata e grandes duelos se projetam

Com tantas seleções poderosas se classificando em segundo lugar, era certo que grandes jogos aconteceriam. Vamos dar uma olhada no chaveamento para ter uma ideia de como estavam carregados esses playoffs. 

  • Uruguai x Portugal
  • França x Argentina
  • Brasil x México
  • Bélgica x Japão
  • Espanha x Rússia
  • Croácia x Dinamarca
  • Suécia x Suíça 
  • Colômbia x Inglaterra

Começamos então pela França, que protagonizou um dos melhores jogos desta Copa, nas oitavas, contra a Argentina. Griezmann abriu o placar de pênalti aos 13’ e Di María só foi empatar para os hermanos lá aos 41’. Depois do intervalo, pegou fogo. A Argentina virou com gol de Mercado aos 3’ do segundo tempo. 

Pavard empatou para os franceses com um golaço de direita aos 11’ e aí desandou a partida para a Argentina. Mbappé virou o jogo aos 18’ e  cravou mais um logo aos 23’. Com 4-2 no placar, a França se fechou e fez o tempo passar. Aguero ainda descontou aos 48’, mas já era tarde para os hermanos. 

Já o Brasil teve um jogo duro contra o México pelas oitavas de final, mas muito menos movimentado. Neymar abriu o placar após jogada de Willian aos 5’ do segundo tempo e Firmino fechou a conta aos 42’. Tudo certo para enfrentar a Bélgica nas quartas. 

Nas quartas, os franceses passaram pela Celeste pelo placar de 2-0. Varane abriu de cabeça aos 40’ e Muslera sofreu um frango em chute de Griezmann, para fechar o placar. O Brasil enfrentou a Bélgica naquelas quartas de final. O jogo em que Fernandinho fez o gol contra aos 13’ e De Bruyne aumentou aos 31’. Apesar das nossas melhores tentativas e o gol de Renato Augusto aos 31’ do segundo tempo, não deu. Bélgica classificada 2-1. 

França e Bélgica fariam um dos jogos mais esperados de toda aquela Copa do Mundo. As duas seleções encantavam e era a promessa de um show de bola na Rússia. A França dominou o que foi um jogo morno. Umtiti marcou o único gol da partida de cabeça em cobrança de escanteio e foi isso de bola na rede. 1-0 e França classificada para sua segunda final de Copa do Mundo. 

A hora da verdade: será que os jovens têm o que é preciso?

A Croácia, sem dúvidas, foi a grande surpresa da Copa de 2018. Esta final também foi inesquecível, porque as duas equipes jogaram pra frente e fizeram uma partida cheia de alternativas. A França saiu na frente com um gol contra de Mandzukic aos 18’, mas sofreu o empate dez minutos depois pelos pés de Perisic. Antes do fim do primeiro tempo, o VAR anotou um penal para os Bleus e Griezmann converteu. 

O segundo tempo desta final foi maravilhoso. Com chances para os dois lados, foi a França que marcou primeiro com Paul Pogba, aos 14 minutos. Aí 5 minutos depois, o cara que foi escolhido como o melhor jogador jovem daquela copa cravou o dele, Kylian Mbappé, um golaço. A Croácia ainda descontou com Mandzukic em uma falha bisonha de Lloris, mas já era.

Pelo placar de 4-2, a França conquistava o mundo pela segunda vez em sua história. Kimpembe, Pogba, Kanté, Griezmann e, principalmente, Mbappé, colocaram seu nome entre os maiores jogadores franceses de todos os tempos. Esse ano eles têm alguns desfalques, mas é bom ficar de olho, especialmente quem vai apostar na Copa do Mundo Qatar 2022. 

Esqueça a França, use sua aposta sem riscos no Brasil, meu filho!

Tá animado para apostar na Copa do Mundo Qatar 2022? Então faça seu registro e comece a aproveitar tudo que a casa de apostas esportivas KTO tem para te oferecer. São muitos benefícios e as melhores promoções para apostar

Com a oferta de boas-vindas KTO, na sua primeira aposta online de até R$ 200, caso não vencer, você recebe todo o valor de volta em forma de freebet. Não perca essa grande oportunidade! 

Texto de Glauco Motta. Curioso por tudo que envolve esportes, games, TV, cinema, livros e música, sem uma ordem específica. Escrevo sobre todo tipo de coisa, vou forte no competitivo, sem dar rage com o time. R10 the GOAT e Michael Scott melhor manager, sem discussão.

A gente quer te lembrar uma coisa importante: a KTO é um lugar para quem tem mais de 18 anos se entreter e aproveitar momentos de descontração e alegria. Se você ainda é menor, ou se o jogo já não está tão divertido assim no momento, deixe para voltar mais tarde.

ÚLTIMOS ARTIGOS