3.4 C
Nova Iorque

Sete jogadores que podem decidir a grande final da Copa do Mundo do Qatar

Final Copa do Mundo: Chegamos a finalíssima do principal torneio futebolístico do mundo. Grandes craques desfilaram o mais alto nível do futebol mundial no Qatar, mas na hora da grande decisão quais são os que podem brilhar e levar seu país a levantar a taça? A gente tem algumas dicas pra te ajudar com essa questão. E é claro que aqui na casa de apostas esportivas KTO você encontra os melhores mercados para apostar na Copa do Mundo.

Neste domingo (18), Argentina e França entrarão em campo com os melhores jogadores à disposição para fazer a grande final da Copa. O que não vai faltar é craque em campo. Ambas as seleções têm elencos estrelados por alguns dos melhores jogadores das maiores ligas europeias. De cara pensamos em Messi e Mbappé, e obviamente eles não poderiam faltar na nossa lista, mas quem sabe uma surpresa não pode decidir a grande final?

Uma jogada de mestre, um lance de sorte, um momento de oportunismo, estar atento e entrar para história pode acontecer com qualquer um dos jogadores em campo. Consegue cravar quem será o grande destaque da final? Brinque de apostas online lá no nosso site e aproveite as melhores dicas e prognósticos no blog da KTO. Acompanhe a seguir a lista de 7 jogadores que podem decidir no estádio Lusail neste domingo.

Final da Copa do Mundo: Lionel Messi – o último tango no Qatar

Messi vem fazendo a Copa de sua vida. Simples assim, e olha que ele já foi eleito o melhor jogador de uma Copa, em 2014 no Brasil. Ele está imparável e assumiu um papel que antes não era dele. Agora ele é um verdadeiro capitão em um time que joga para ele. Jogadores jovens, habilidosos e com muita raça o cercam para que seja o mais confortável possível para Messi decidir os jogos.

Ele é o atual artilheiro da Copa, e muito provavelmente será eleito o melhor jogador da Copa mais uma vez (a única pessoa que pode estragar a festa do E.T. argentino é Kylian Mbappé.) Messi já fez 5 gols no mundial, número que o fez bater o recorde de Batistuta como o máximo goleador argentino em Copas. O “enano” agora possui 11 tentos marcados e não pretende parar por aí, ainda tem mais um confronto e ele precisa ampliar esta marca.

Mas desta vez não é só com gols que Messi pode resolver. Como nas semifinais, ele foi um jogador chave para a classificação argentina, marcando seu gol de pênalti, mas principalmente movimentando todo o campo. Dando instruções para os mais jovens e assistências para o último gol de Julián Álvarez contra os croatas. Se Messi está em campo, ele pode decidir a qualquer momento.

Final da Copa do Mundo: Kylian Mbappé – 23 anos e o bicampeonato mundial na conta?

Quem não se lembra daquelas oitavas de final na Rússia em 2018? Um (ainda mais) jovem Mbappé brilhou, marcou dois gols e eliminou uma forte seleção argentina.

A velocidade, aparentemente, aumentou, o poder de finalização triplicou, a inteligência para passes rápidos é incrível. Mbappé evoluiu muito nos últimos 4 anos e é um jogador muito mais completo, um gênio do futebol moderno com apenas 23 anos de idade.

Ele divide a artilharia da competição com Messi. Com uma grande atuação na final, ele pode ganhar o título de artilheiro, o prêmio de melhor jogador da Copa e o bicampeonato mundial consecutivo. É uma máquina de quebrar recordes, um destruidor de defesas adversárias, Mbappé pode resolver o confronto em um único lance.

Hugo Lloris e Emiliano Martínez: nas mãos do goleiro pode estar a glória

Dois goleiros simplesmente absurdos. Lloris, muitas vezes contestado no Tottenham Hotspur, se mostra um paredão nunca antes visto quando está com a camisa da França. Emi Martínez é a cara da argentina, catimbeiro, provocador, ele entra na cabeça do adversário e mostra que um goleiro também pode ganhar na raça.  

Lloris teve atuações belíssimas até aqui, se não fosse por ele, com certeza, a seleção francesa teria passado por maus momentos neste mundial. Especialmente na partida de quartas de final, contra a Inglaterra, onde ele frustrou profundamente os planos de seu companheiro de equipe Harry Kane.

Emiliano Martínez já é um clássico quando falamos de disputas de pênaltis. Ele cresce muito na hora da decisão e parece sempre adivinhar o lado que o batedor escolhe. Nas quartas de final, contra a Holanda, ele defendeu dois pênaltis e garantiu que os argentinos seguissem na competição.

Ángel Di María: coadjuvante? Nas decisões ele vira protagonista

Di María é peça fundamental do elenco argentino. Por causa de uma lesão não esteve presente no time titular dos últimos dois confrontos, mas para a grande final já mandou avisar que está pronto.

Na grande final da Copa América em 2021 ele foi o mais decisivo para o fim do jejum de títulos argentinos. Ele fez o gol do título e assumiu esse papel de referência técnica no ataque. Ele é veloz, dribla muito bem e tem uma finalização potente, se deixar, o “Fideo” Di María resolve.

Olivier Giroud: maior artilheiro da história da França é fatal

Giroud é um atacante um pouco subestimado. Grandalhão, às vezes estabanado, pode até parecer que oferece pouco risco. Mas a marca que ele bateu neste mundial não é para qualquer um.

Com seus 4 gols ele ultrapassou a marca de Thierry Henry, se tornando o maior artilheiro da história com a camisa da seleção francesa com 53 gols marcados. Ele é extremamente perigoso, e é bom a Argentina ficar de olho, se a bola subir na área ele pode resolver.

Julián Álvarez: a renovação argentina a todo vapor

Julián Álvarez até o ano passado era uma jovem revelação do futebol argentino que atuava no River Plate. Em pouquíssimo tempo ele virou uma das grandes estrelas do futebol mundial marcando gols pelo Manchester City.

Agora, na seleção argentina, ele ganhou a posição de atacante titular e que sempre pode resolver, na semifinal ele marcou dois gols contra os croatas. Um dos gols, inclusive, em uma mostra de habilidade, perseverança, vontade de ganhar, trombando e ganhando divididas, até botar a bola no fundo da rede.

Jogando muito de perto com Messi, recebendo conselhos, ele encontra os atalhos do campo e sempre deixa o seu golzinho. Na grande final poderia a jovem estrela resolver? Julián tem 22 anos e será um pavor durante todo o jogo para a defesa francesa.  

A Copa do Mundo está acabando, mas suas aventuras com apostas esportivas apenas começando

Chegamos no final da Copa do Mundo do Qatar e você ainda não começou a aproveitar as promoções da KTO? Não tem problema, ainda tem inúmeras oportunidades para você se divertir por aqui. Quem sabe não é uma boa começar no mundo das apostas esportivas na final da Copa?

Para os iniciantes nós temos a promoção perfeita, a promo de boas-vindas KTO. E ela funciona assim: Você só precisa criar a sua conta, realizar o primeiro depósito e escolher a partida para apostar. Caso esse primeiro palpite acabe dando ruim e você erre, nós devolveremos 100% do valor apostado (até R$200) em uma freebet. Desta forma você poderá apostar na Copa do Mundo com segurança e terá uma nova chance na busca da aposta ganha.

Texto de Nicolas Soares. Fanático por futebol, especialmente do interior. Apaixonado pela cultura latino-americana. Fã de Gabriel García Márquez e Eduardo Galeano.

A gente quer te lembrar de uma coisa importante: a KTO é um lugar para quem tem mais de 18 anos se entreter e aproveitar momentos de descontração e alegria. Se você ainda é menor, ou se o jogo não está tão divertido assim no momento, deixe para voltar mais tarde.

ÚLTIMOS ARTIGOS