9.3 C
Nova Iorque

KTO patrocina o evento Boxing for you com Esquiva Falcão

Um dos eventos de boxe mais tradicionais da América Latina chega a sua 11a edição em grande estilo: com patrocínio da casa de aposta esportiva KTO e com a participação do grande Esquiva Falcão. 

Os dias de luta são sempre dias de glória quando falamos sobre o Esquiva Falcão. O número um do ranking da IBF (sigla em inglês para Federação Internacional de Boxe) chegou à sua 30ª vitória em 30 lutas no boxe profissional no último domingo (29). O feito aconteceu durante o main-event contra Cristian Fabian Ríos, quando os três árbitros decidiram que o brasileiro foi melhor em todos os 10 rounds. 

O medalhista olímpico contou para a equipe da KTO que não esperava que o argentino El Tucu estivesse em tão boa forma. “Eu fiquei muito surpreendido com a resistência e com a habilidade dele para encaixar alguns golpes de grande potência”. 

Mesmo assim, a superioridade do nosso parceiro foi inegável. Ele que impôs o ritmo, que chegou chegando e não deu chance pro Ríos mostrar serviço. Ao argentino só restou tentar se proteger da melhor maneira possível e tentar emplacar um ou outro golpe para manter a dinâmica da luta.

Nocaute

Assim, Esquiva está feliz por ter vencido todos os rounds graças à sua técnica e força. “Eu queria o nocaute, que é sempre a cereja do bolo. Mas meu treinador, Robert Garcia, já tinha me orientado a levar a luta nos pontos. E, de toda forma, acredito que consegui mostrar um grande show para quem estava acompanhando a luta”, explicou.

Nosso pugilista deve voltar aos treinos já na semana que vem. “Com o apoio da KTO eu posso focar 100% nos meus treinos sem nenhuma outra preocupação externa”. Ele espera que a luta pelo cinturão aconteça em outubro ou novembro, mas segue aguardando confirmação. 

Se você gosta de apostar em boxe, pode aproveitar para se divertir com outras lutas enquanto o nosso campeão não sobe no ringue de novo. Mas fique ligado por aqui que vamos te manter a par sobre todas as novidades do grande Esquiva Falcão.

Boxeador Esquiva Falcão conta com patrocínio da KTO

A KTO anunciou sua parceria com o medalhista olímpico Esquiva Falcão em abril de 2021. Invicto nas lutas profissionais, o atleta também demonstra obstinação na vida pessoal. Recentemente o pugilista virou notícia por entregar pizzas feitas pela sua esposa, Suelen Marques. Com as lutas paralisadas por causa da pandemia, ele foi atrás de maneiras alternativas de ganhar dinheiro. 

Esquiva foi o primeiro pugilista brasileiro a conquistar uma medalha de prata em uma Olimpíada. Isso aconteceu durante os Jogos Olímpicos de 2012, em Londres, e emocionou o país pela própria história de vida do lutador, que passou por várias dificuldades ao longo da carreira. Este é até hoje um dos maiores feitos da história do boxe nacional.

Além desta conquista invejável, o atleta ainda ostenta invencibilidade em sua carreira profissional. Esquiva ganhou todos os 28 duelos dos quais participou, sendo que em 20 deles a vitória foi por nocaute. 

Ele já iniciou a preparação em busca do título de campeão mundial de boxe pela IBF/USBA (International Boxing Federation). Hoje, é o quinto colocado da categoria peso médio e deve lutar contra Gennady Golovkin em agosto para tentar ser o novo dono do cinturão. 

E em conversa com a nossa reportagem, o lutador se demonstrou empolgado e confiante na próxima vitória. Confira.

Esquiva Falcão

O que já mudou em sua rotina agora que você tem novos patrocinadores?

Agora eu consigo ficar mais focado nos treinos. Não preciso me preocupar com dívidas ou com o que pode acontecer com a minha família. Isso faz toda a diferença. Para ser campeão mundial, é preciso estar 100% dedicado aos treinos, em como vai ser a luta. E não dá para se concentrar quando você não sabe se vai conseguir pagar suas contas em dia.

Além do tempo, as condições do treino também melhoraram?


Sim, sem dúvida. Agora consigo treinar em uma academia melhor e com equipamentos melhores. Luva, saco de pancada, tudo agora será de mais qualidade. Isso sem contar que terei um espaço adequado para o treino de um atleta de alto rendimento.  

Como será a disputa pelo cinturão?


As datas ainda não estão confirmadas, mas tudo indica que a luta de classificação será em agosto. Devo enfrentar o Gennady Golovkin, do Cazaquistão, que é o atual campeão mundial. Essa luta será muito boa para mim, estou muito confiante. A disputa será em Las Vegas. 

Entre seus novos patrocinadores está a casa de apostas online KTO. Você acha que é possível comparar a sua trajetória com as apostas esportivas?


Sim, na vida e no esporte você precisa se dedicar e estar atento às oportunidades. Com as apostas é bem parecido. E o que eu acho bacana é que, ao apostar – seja em boxe, futebol, ou no que for – o fã tem a chance de ganhar junto com seu ídolo. É uma maneira de estar mais próximo, de estar junto, uma forma diferente de acompanhar a carreira do ídolo. E falando em fã, preciso muito agradecer a todos eles. Foi por causa dos fãs que os patrocinadores vieram até mim. Se não fossem essas pessoas compartilharem os posts, subirem hashtag, fazerem campanha e tudo o mais, eu não teria recebido o apoio das empresas. Então fica aqui registrado o meu muito obrigado.  

Qual a diferença entre o Esquiva que ganhou a medalha em 2012 e o Esquiva hoje?

O Esquiva de 2012 era um menino que tinha sonhos para serem realizados e que não iria desistir, ele sabia que poderia conquistar. E o de hoje conquistou o sonho dele. Hoje ele é um campeão porque venceu as batalhas, hoje tem uma família, tem uma casa. O Esquiva de hoje é um homem que continua conseguindo conquistar seus objetivos e seus sonhos.

Além do cinturão, quais são as outras metas para sua carreira? O que te motiva a continuar lutando?

Além do cinturão, quero abrir ONGs e academias para ajudar os jovens a terem uma segunda opção. A primeira é a escola. E a segunda é o esporte. Nem toda criança gosta de estudar. Quando ela não gosta de ir pra escola, acaba indo pro lado errado. Mas tendo o esporte, podemos salvar essas vidas. Essas crianças podem até ganhar medalhas. É meu desejo e meu sonho salvar essas vidas para o esporte.

Como você enxerga o papel e a situação do boxe nacional hoje?

Depois que eu passei para o boxe profissional parei de acompanhar tanto o Olímpico. Mas está complicado porque atrapalhou as viagens dos atletas, que são muito importantes para que os atletas olímpicos ganhem experiência. Mesmo assim, acredito que o Brasil pode conquistar medalha. E o boxe profissional nacional está um pouco fraco, mas segue na média com muitos países importantes. É preciso ter um nome forte para o esporte voltar a ser amado pelo brasileiro, assim como tivemos o Acelino Freitas “Popó”, o  Eder Jofre e o Maguila. 

Como é olhar para o espelho e ver uma pessoa que nunca perdeu uma luta profissional?

Atualmente tenho 28 lutas, 28 vitórias, sendo 20 por nocaute. Estou ranqueado entre os três maiores do mundo na minha categoria. Quando eu olho no espelho,  passa um filme na minha cabeça. Meu pai e minha mãe não tiveram como me proporcionar uma estrutura de alto nível. E mesmo assim,  hoje eu estou aqui. Quando eu olho no espelho, vejo aquele menino que gostava de treinar e brincar… e que hoje está crescendo para ser um grande ídolo do boxe. Se Deus permitir eu vou conseguir ser esse atleta que todo mundo está esperando. Da mesma forma que temos o Neymar no futebol, o  Medina no surfe e Guga no tênis, eu quero ser o Esquiva Falcão do boxe.

A gente quer te lembrar de uma coisa importante: a KTO é um lugar para quem tem mais de 18 anos se entreter e aproveitar momentos de descontração e alegria. Se você ainda é menor, ou se o jogo não está tão divertido assim no momento, deixe para voltar mais tarde. 

ÚLTIMOS ARTIGOS