3.4 C
Nova Iorque

A vitória não se esquiva de um campeão: o ano de Esquiva Falcão

Esquiva Falcão tá no ringue! A pandemia tentou bater: esquiva. As dificuldades tentaram derrubar: esquiva. A vitória viu a luta e dedicação de um campeão: não esquiva!

Assim foi o ano de 2021 de Esquiva Falcão. Ele é uma das grandes referências do boxe brasileiro na atualidade e enfrentou todas as dificuldades que poderia em um ano de pandemia.

Como na frase do filme do lutador Rocky Balboa, estrelado por Sylvester Stalone: “Ninguém vai bater tão forte como a vida, mas a questão não é o quão forte você consegue bater. É o quão forte você consegue apanhar e continuar seguindo em frente. É o quanto você consegue aguentar e continuar seguindo em frente. A vitória é feita assim”.

Esquiva Falcão falou sobre o início difícil da sua carreira como lutador e dos problemas da infância: “O começo da minha carreira foi muito difícil. Eu vinha de uma família muito humilde e batalhadora. Meu pai era muito conhecido pelas lutas de vale tudo, MMA e boxe, e também me ensinou sobre isso. Podíamos não ter estrutura, mas ele sempre batalhou duro para ver os filhos vencer na vida”.

Para falar sobre o ano de Esquiva, a equipe da casa de apostas KTO conversou com o lutador. No papo, pudemos saber mais sobre as dificuldades enfrentadas pelo atleta em um ano atípico por conta da pandemia.

Problemas financeiros e a criatividade para empreender

O ano começou com Esquiva disputando uma grande luta contra o russo Artur Akavov. Isso foi em Los Angeles, nos Estados Unidos, onde no quarto round o lutador nocauteou o adversário. 

No entanto, depois dessa grande luta, Esquiva voltou ao Brasil para treinar e, nesse momento, começaram a surgir as dificuldades financeiras impostas pela pandemia.

“Voltei pro Brasil, já com o pensamento para conquistar o cinturão esse ano, no entanto, fiquei muito tempo parado, a pandemia acabou me atrasando muito, então eu tive que arrumar outro jeito pra manter minha família. Foi onde abrimos uma mini pizza, Suh Delícias, e graças a Deus foi um sucesso, todo mundo me apoiou”, conta Esquiva sobre o momento de dificuldade.

A empresa tinha a esposa de Esquiva realizando a produção das pizzas e o boxeador atuava como motoboy. A solução comoveu muitas pessoas nas redes sociais.

KTO e Esquiva Falcão: parceria de sucesso

Com isso, a KTO entrou nessa luta para ajudar o boxeador Esquiva Falcão a manter a sua carreira em pleno funcionamento e desenvolveu uma parceria para ajudar o pugilista que, em 2022, promete trazer o cinturão dos médios para casa.

“Consegui patrocínios e um deles foi a KTO, investindo no atleta, investindo em mim. Muito feliz, agradeço muito a KTO, porque acho que se não fosse isso seria muito mais difícil pra mim. E aí depois marcaram uma luta pra mim, com eliminatórias de todo mundo, em novembro, que foi a última agora, que foi contra o Patrice Volny. Eu ganhei, então minhas lutas terminaram, fechei o ano com chave de ouro. Queria fechar com o cinturão, mas infelizmente a pandemia acabou me complicando muito, atrasando muito, atrasando minhas lutas, minha carreira, então o cinturão ficou pro ano que vem. Consegui já a luta classificatória pro mundial, já me classifiquei, agora é só esperar”, declarou Esquiva.

2022 de um ano audacioso e com cinturão

A temporada de 2022 promete desafios importantes para Esquiva Falcão e, entre eles, a disputa do cinturão que está encaminhada para o brasileiro.

“Começando 2022, começar 100% focado, treinando, me dedicar 100%, mais do que eu me dediquei da última vez, porque agora chegou o momento, depois de 10 anos esperando esse oportunidade, essa oportunidade vai chegar, então eu tenho que estar preparado pra dar meu melhor e vencer essa luta. Tenho certeza que esse cinturão vai ser nosso, cinturão vai vir pro Brasil, o Brasil precisa e minha família também, tenho certeza que eu vou estar pronto”, torce o pugilista. 

Esquiva Falcão poderá conquistar o cinturão na próxima temporada, mas o duelo vai precisar esperar um pouco mais. Antes de chegar a vez do brasileiro, o atual campeão, Gennady Golovkinm precisa encarar o japonês Ryota Murata.

A luta, no entanto, foi adiada por conta do avanço da da variante Ômicron do coronavírus e pelas novas restrições de viagem impostas pelo governo do país.

Na hora de fazer a sua aposta no brasileiro, garanta as melhores odds e o melhor atendimento na melhor casa de apostas do Brasil. Vem pra casa de apostas KTO e vamos juntos torcer pelo Esquiva!

A gente quer te lembrar de uma coisa importante: a KTO é um lugar para quem tem mais de 18 anos se entreter e aproveitar momentos de descontração e alegria. Se você ainda é menor, ou se o jogo não está tão divertido assim no momento, deixe para voltar mais tarde. 

ÚLTIMOS ARTIGOS