7.8 C
Nova Iorque

Como apostar na Copa América

Principal competição de seleções da América do Sul, saiba como apostar na Copa América.

Após um ano de espera, devido a pandemia de Covid-19, está chegando a hora da disputa. O evento, que contará com 10 seleções nesta edição, é um dos mais tradicionais entre seleções da América do Sul. Confira agora como apostar na Copa América 2021.

Se você se interessa por dicas para apostar em futebol, está no lugar certo. Vamos agora conhecer um pouco mais sobre o evento e quais serão os candidatos ao título. Dessa forma, vamos explorar o torneio desde seus primórdios.

Leionel Messi batendo falta usando o uniforme da argentina

Breve história da Copa América

Organizado pela Conmebol, o evento teve sua primeira edição no ano de 1916, com a Argentina sendo a anfitriã. Naquela época, apenas 4 seleções entraram na disputa: Argentina, Chile, Uruguai e Brasil. 

Inicialmente, o campeonato era organizado anualmente e passou a atrair novos adeptos, para a formação da própria Conmebol. Os dois primeiros anos tiveram o Uruguai como campeão e, na sequência, o vencedor foi o Brasil, em 1919.

Uma curiosidade é que em 1918, não houve a realização do evento, devido a um surto de gripe no Rio de Janeiro, que seria a sede naquele ano.

Depois de uma longa hegemonia do Uruguai até 1929, o torneio foi paralisado e só voltou  em 1935. Entre idas e vindas, houve mais uma grande reformulação, no ano de 1987, em que o torneio passou a ser disputado a cada dois anos.

Esse molde seguiu até 2001, quando a Copa América passou a ser disputada a cada 3 anos. Em 2007, teve mais uma alteração, com a organização a 4 quatro anos, com exceção do centenário do torneio em 2016 e o intervalo entre as edições de 2019 e 2021. 

O que se espera agora é que o evento siga de quatro em quatro anos, assim como a Euro.

Sobre as seleções que disputam o campeonato, em 1993 houve a inserção de países convidados, para compor as 12 seleções em disputa. México e Estados Unidos começaram a representar a Concacaf no torneio.

Falando sobre seleções convidadas, a Conmebol também colocou outras equipes em sua lista. Essa informação pode ser valiosa na hora de aprender como apostar na Copa América. Ao todo, foram dez as nações convidadas que participaram da competição:

  • Costa Rica (1997, 2001, 2004, 2011, 2016)
  • Honduras (2001)
  • Japão (1999, 2019)
  • Jamaica (2015, 2016)
  • México (1993, 1995, 1997, 1999, 2001, 2004, 2007, 2011, 2015, 2016)
  • Haiti (2016)
  • Panamá (2016)
  • Estados Unidos (1993, 1995, 2007, 2016)
  • Catar (2019, 2021*)
  • Austrália (2021*)

*Apesar do convite feito, por questões sobre a pandemia, Catar e Austrália acabaram desistindo de participar da nova edição da Copa América. Outras três equipes que também rechaçaram convites foram o Canadá (2001), a Espanha (2011) e a China (2015).

Maiores campeões da Copa América

Em sua história, com 46 edições já concluídas, a Copa América tem o Uruguai como principal vencedor, já que detém 15 troféus. Vamos conhecer agora quais as seleções que já venceram, ao menos uma vez, o torneio sul-americano.

  • Uruguai – 15 títulos (1916, 1917, 1920, 1923, 1924, 1926, 1935, 1942, 1956, 1959-II, 1967, 1983, 1987, 1995 e 2011)
  • Argentina – 14 títulos (1921, 1925, 1927, 1929, 1937, 1941, 1945, 1946, 1947, 1955, 1957, 1959-I, 1991 e 1993)
  • Brasil – 9 títulos (1919, 1922, 1949, 1989, 1997, 1999, 2004, 2007, 2019)
  • Paraguai – 2 títulos (1953 e 1979)
  • Chile – 2 títulos (2015 e 2016)
  • Perú – 2 títulos (1939 e 1975)
  • Colômbia – 1 título (2001)
  • Bolívia – 1 título (1963)

Quando Começa a Copa América 2021?

A realização da 47ª edição da Copa América será entre os dias 11 de junho e 10 de julho de 2021. O evento conta com dois países sedes, que são a Argentina e Colômbia. A primeira partida a ter início será Argentina x Chile, no Monumental de Nuñez, na Argentina.

Para que se tenha um panorama ainda mais completo sobre como apostar na Copa América, fique atento na realização da final. Este ano será no estádio Metropolitano Roberto Meléndez, em Barranquilla, na Colômbia.

Com a desistência de Catar e Austrália, o evento passou por nova alteração e terá apenas 10 seleções em disputa. Por isso, ao invés de três grupos com quatro equipes, a Copa América 2021 terá apenas dois grupos de cinco times.

Seleções jogam a Copa América 2021

Para falarmos sobre a distribuição das equipes, vamos aproveitar para utilizar o formato desta edição, com 10 times separados em dois grupos. Assim vamos destacar também o franco favorito de cada um, além dos times que podem surpreender.

Grupo A

O primeiro grupo é formado por Brasil, Colômbia, Equador, Peru e Venezuela.

Mais uma vez, o favoritismo recai no Brasil, para que feche a primeira fase na liderança, antes que chegue o mata-mata. Vale ressaltar que, dos cinco times, quatro se classificam em cada grupo, portanto os únicos que podem ficar de fora são Venezuela e Peru.

Equipes como Colômbia e Equador passaram a ter resultados mais animadores nas últimas partidas disputadas por eliminatórias e também em amistosos internacionais, o que já pode ser um trunfo nesta oportunidade.

Com o favoritismo para levar o torneio, o Brasil se destaca, ainda mais por ter apresentado um bom futebol em 2019. Como atual campeão, portanto, é o time a ser batido em 2021 e, se vencer, começa a se aproximar ainda mais de Argentina e Uruguai. 

Grupo B

Já o segundo grupo é formado por Argentina, Bolívia, Chile, Paraguai e Uruguai.

Por ser a segunda equipe mais vencedora e aquela que possui melhores resultados frente ao líder em conquistas, o Uruguai, a Argentina conta com a liderança de Lionel Messi, jogador do Barcelona, que ainda busca um grande título com a seleção de seu país.

É fato que o craque argentino não consegue obter o mesmo desempenho que em seu clube, mas ainda carrega a esperança de que possa ser o líder dentro de campo, com seu futebol extremamente técnico

As últimas experiências de Messi em finais foram contra o Chile e, nas duas vezes, o craque viu a Argentina perder nos pênaltis. Em 2019, o Brasil eliminou sua arquirrival e a Argentina ficou com a terceira colocação. 

O que se espera é um melhor desempenho dos comandados de Lionel Scaloni, que é o atual treinador da Argentina.

seleção brasileira comemorando a vitória na copa américa de 2019

As apostas já podem ser feitas

Sim, se você tem o interesse em como apostar em jogos de futebol, nada melhor do que começar pela Copa América. E, sim, as apostas já estão disponíveis na KTO, em dois mercados muito interessantes.

O primeiro deles é apostar no vencedor do torneio. Será que o Brasil confirma o favoritismo, ou a Argentina ou outra seleção poderão desbancar nossa seleção? Já existem estas apostas no site e você escolhe quem vence a nova edição do torneio.

Outra forma é tentar cravar qual das seleções termina na primeira colocação do seu grupo. Como já mencionamos, Brasil e Argentina são os favoritos, então fique atento se alguma outra equipe pode desbancar os principais nomes do torneio.

Outro mercado já disponível é o moneyline, popularmente conhecido como 1X2. Por aqui o apostador escolhe entre os possíveis resultados da própria partida.

Então, para o jogo de abertura, que é Argentina x Chile, por exemplo, o apostador pode escolher entre a vitória da Argentina, o empate, ou a vitória do Chile. Isso independe da forma ou dos números do placar.

Novas opções serão colocadas à disposição, como apostas em handicap, em que vantagens virtuais são aplicadas aos confrontos. Você também poderá arriscar qual será o atleta líder em gols e em assistências. 

Vale a pena ficar ligado mais próximo do início da competição.

Por fim, aproveite as nossas dicas e faça o seu cadastro na KTO agora mesmo. Descubra as melhores formas de lucrar e se divertir com a Copa América. Em breve, traremos mais conteúdos sobre outros esportes e oportunidades de mercado.

A gente quer te lembrar de uma coisa importante: a KTO é um lugar para quem tem mais de 18 anos se entreter e aproveitar momentos de descontração e alegria. Se você ainda é menor, ou se o jogo não está tão divertido assim no momento, deixe para voltar mais tarde.

ÚLTIMOS ARTIGOS